Voltar para listagem
Autor(a):

Fundação Laço Rosa

Fundação Laço Rosa

Data do Post
23/10/2019
/

Fundação lança pesquisa em parceria com LinkedIn

A jornada das mulheres trabalhadoras com câncer é um desafio quando o assunto é mercado de trabalho. Pensando nessas mulheres e na dificuldade que elas encontram na retomada ao mercado de trabalho, a rede profissional LinkedIn se uniu a Fundação Laço Rosa para realizar uma pesquisa e lançar a campanha #PEITOPRAFALAR.

Quando questionadas sobre o apoio de empresas, 53% das entrevistadas afirmam que as companhias não oferecem o suporte necessário, isto é, não investem em práticas de prevenção e políticas de acompanhamento durante o tratamento, 55% das pacientes e ex-pacientes discordam que possuem as mesmas oportunidades de carreira que outros profissionais. O estudo também aponta que apenas três em cada 10 pessoas que têm ou já enfrentaram a doença continuam trabalhando. Foram entrevistadas 930 pessoas, entre pacientes, ex-pacientes e outros que têm ou tiveram um paciente em seu círculo profissional ou social.

Uma petição pública está aberta na intenção de pressionar o andamento do PL8057/2017 que trata da estabilidade de emprego por um ano após o retorno do paciente oncológico ao trabalho. 

Saiba mais sobre o tema e sobre os dados da pesquisa na busca pela hashtag #PEITOPRAFALAR.